05 razões para você não usar temas e plugins piratas

Neste post, você vai conhecer em detalhes quais são os riscos que você corre ao utilizar temas e plugins piratas em seu site WordPress

WordPress

Atualizado em 13/03/2024

Às vezes, o barato pode custar caro. Se você pretende criar um site ou já possui um site em WordPress, saiba que ao utilizar temas e plugins piratas, você pode colocar tudo a perder.

Todo ano o G1, portal de notícias da Globo e outros sites divulgam falhas em plugins e temas piratas deixaram mais de 1 milhão de sites WordPress vulneráveis a hackers. 

Por isso, é extremamente importante que você fique atento na hora de comprar seus temas e plugins. Se possível, investigue a origem destes produtos antes de finalizar a compra.

Caso contrário você poderá estar entre as vítimas que estamparão uma nova reportagem sobre hackers que se utilizam de temas e plugins piratas para deixar seu site com vírus ou fora do ar.

Se você ainda não entendeu a gravidade da situação, neste post, você vai conferir 05 razões que vão te convencer a não usar temas e plugins piratas, também conhecidos como temas e plugins nulleds.

O que são temas e plugins nulleds?

Nulled é um termo em inglês que significa anulado. Portanto, os temas e plugins são considerados nulled quando suas proteções contra a pirataria são anuladas.

Os temas e plugins considerados nulled são plugins temas e plugins pagos que muitas vezes são distribuídos gratuitamente na internet. 

Confira agora as 05 razões para você não usar temas e plugins piratas

Problemas legais

A primeira razão para você não usar produtos piratas são os problemas legais que essa ação pode lhe trazer. Ao utilizar plugins e temas piratas, o seu dinheiro não vai para quem de fato se dedicou para criar um bom tema ou um bom plugin.

Quer receber nossas novidades por e-mail?

Assine nossa newsletter e receba grátis as últimas novidades sobre o WordPress no seu e-mail.

Por isso, caso a equipe de desenvolvedores ou o desenvolvedor responsável pela criação dos produtos descubra que você está usando algo ilegal de sua autoria, ele pode processar você e solicitar o ressarcimento dos valores perdidos.

Apesar de não ter uma lei específica voltada para o uso de plugins e temas piratas no Brasil, o 2º parágrafo do artigo 184 do Código Penal Brasileiro afirma que violar direitos do autor e os que lhe são conexos é crime. Quem comete este crime pode ficar detido de 03 meses a 01 ano ou ainda pagar multa.

Segurança

O segundo item desta lista é segurança. Os temas e plugins comprados ilegalmente podem ter alterações no código. Estas alterações podem inserir códigos maliciosos em seu site, por exemplo.

Ao ter o seu WordPress invadido por hackers, você pode ter vários problemas, entre eles estão: 

  • Layout desfigurado
  • Site fora do ar
  • Contaminação de outros sites, caso você utilize servidores compartilhados
  • Roubo de dados

Estas são algumas das consequências que o uso de plugins e temas piratas podem causar. Vale a pena salientar que o roubo de dados também pode causar complicações jurídicas, uma vez que a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) já está em vigor.

Quer saber mais sobre LGPD? Leia este artigo: LGPD: entenda o que é e como funciona

Posicionamento no Google

Quem possui um site em WordPress sabe que uma página bem posicionada no Google pode melhorar o tráfego do site e aumentar o número de conversões.

No entanto, o uso de produtos piratas também pode afetar o ranqueamento do seu site em WordPress. Isso acontece porque os temas e plugins nulled podem conter informações prejudiciais em seu código, que podem ser percebidos pelo Google e outros mecanismos de busca.

Ao perceber este problema, o Google e outros mecanismos de busca podem penalizar o seu site e desindexá-lo. Desta forma, o seu site perde relevância, diminui o tráfego e pode sofrer grandes impactos econômicos.

Versões desatualizadas

Na grande maioria das vezes, as atualizações trazem correções de brechas de seguranças e novas funções para quem utiliza temas e plugins.

E mais uma vez quem opta pela economia ao utilizar plugins e temas pirateados não terá acesso a estes benefícios.

Neste sentido, é importante salientar que a falta de atualização também pode causar a incompatibilidade de temas e plugins, uma vez que o WordPress continua lançando novas versões, onde novas funcionalidades são acrescentadas e outras removidas.

A incompatibilidade de temas e plugins pode trazer complicações, como deixar o seu site fora do ar por horas, por exemplo.

Sendo assim, além de atualizar o WordPress, os temas e plugins também precisam ser atualizados para que tudo funcione perfeitamente. 

Plugins e temas piratas não oferecem suporte

Outro problema que você vai encontrar ao utilizar plugins e temas piratas é a ausência de uma boa documentação e acesso a um suporte de qualidade.

Tanto a documentação, quanto o suporte vão te auxiliar a entender como funcionam os temas e plugins, solucionar problemas em caso de necessidade e aproveitar ao máximo todas as funcionalidades que os temas e plugins oferecem.

Como escolher plugins e temas gratuitos e seguros?

Agora que você já entendeu quais são as consequências de utilizar plugins e temas piratas, é importante que você saiba que é possível criar um site em WordPress sem utilizar temas e plugins piratas.

Além disso, você pode criar um site sem precisar desembolsar dinheiro para comprar temas e plugins.

Para isso, basta que você utilize o repositório oficial do WordPress para baixar temas e plugins. Neste ambiente, é possível encontrar uma série de informações que te ajudarão a escolher um bom plugin ou tema gratuito que não afete a segurança do seu site.

Outra vantagem de utilizar recursos gratuitos disponíveis no repositório é que você terá acesso a documentação e suporte de qualidade. Neste ambiente, você conhecerá pessoas que te auxiliarão a sanar dúvidas e que são realmente apaixonadas pelo WordPress.

Se você ainda tem dúvidas na hora de escolher um bom tema e o plugin ideal para o seu WordPress, nós temos dois artigos que atuarão como seus guias nesta jornada.

Leia mais: o que é um tema WordPress e como escolher o ideal?

Leia mais: como escolher um bom plugin? Descubra aqui

Conclusão

Depois de ler este artigo, você teve acesso a 05 fortes razões para não utilizar temas e plugins piratas na construção do seu site. Afinal, a utilização destes produtos podem gerar sérias dores de cabeça.

Por fim, ainda neste post, você pôde conhecer um pouco mais sobre o repositório oficial do WordPress, um ambiente onde é possível encontrar temas e plugins gratuitos e ainda fazer amigos.

Se você gostou deste artigo, que tal compartilhar com seus amigos em suas redes sociais? Assim, você evitará que a pirataria se propague.

Até a próxima!

Que tal receber nosso conteúdo por email?

Quer receber nossas novidades por e-mail?

Assine nossa newsletter e receba grátis as últimas novidades sobre o WordPress no seu e-mail.

1 comentário

  1. Renan Rosa Meneguci

    Realmente não é uma boa opção, mas acho que os templates deveriam ser mais baratos para que se tornassem mais populares.

    Acho que se tivessem templates de R$ 100 a R$ 200 funcionais, mais pessoas poderiam adquirir.

    Estou usando um tema nulled em meu site (geographia.com.br).

Deixe uma resposta

Fale com um especialista
Precisa de ajuda?
Olá!
Conheça nossos planos e veja como podemos te ajudar!